Início » EVIDÊNCIAS » A AGMATINA PODE AJUDAR A MELHORAR A FUNÇÃO RENAL, ESCLEROSE MÚLTIPLA, DIABETES, E MELHORA A FUNÇÃO CARDÍACA!

A AGMATINA PODE AJUDAR A MELHORAR A FUNÇÃO RENAL, ESCLEROSE MÚLTIPLA, DIABETES, E MELHORA A FUNÇÃO CARDÍACA!

AGM

São Sebastião do Paraíso – MG, Publicado em 19 de Setembro de 2015 –

Para uma orientação expressa envia emails para – juliocaleiro@hotmail.com

——————————————————————————————

By, Júlio Caleiro – Nutricionista

AGMATINA PODE MELHORAR A FUNÇÃO RENAL, ESCLEROSE MÚLTIPLA, DIABETES, E MELHORA A FUNÇÃO CARDÍACA!

Agmatina, também conhecido como (4-aminobutil) guanidina, aminoguanidina é um ativo que foi descoberto em 1910 por Albrecht Kossel, é um composto natural comum sintetizado por descarboxilação do aminoácido arginina, por conseguinte, também conhecido como arginina descarboxilada. Foi demonstrado que Agmatina exerce ação moduladora em vários alvos moleculares, nomeadamente: sistemas de neurotransmissores, canais-chave iônicos, óxido (NO) metabolismo e síntese de poliaminas nítricos, proporcionando assim bases para futuras pesquisas em aplicações potenciais, principalmente em ESCLEROSE MÚLTIPLA E DA FUNÇÃO RENAL.

O termo “agmatin” (alemão) foi cunhado em 1910 por Albrecht Kossel quem primeiro identificou a substância no esperma de arenque. Muito provavelmente o termo deriva de A- (por amino) + g- (a partir de guanidina) + -ma – (a partir de ptomaine) + -in (Alemão) / -. ine (Inglês) sufixo com inserção de -t- aparentemente por eufonia. Dentro de um ano após a sua descoberta foi demonstrado em aumentar o fluxo sanguíneo em coelhos, mas a relevância fisiológica destes resultados foram questionadas. Na década de 1920, pesquisadores da clínica de diabetes de Oskar Minkowski demonstrou que agmatine pôde exercer efeitos hipoglicêmicos leves. A escassez de pesquisas sobre agmatine durante a maior parte do século 20 (até o início de 1990) são enormes. Só em 1994, a descoberta de síntese agmatine endógena em mamíferos, foi reavivado a pesquisa no campo. Suplementos de sulfato de agmatina são comercializados há vários anos em meio a musculação, divulgando  depoimentos de aumento da qualidades e fortalecimento muscular, apesar de algumas utilizações e alegações infundadas. Um certo número de potenciais utilizações em algumas patologias com agmatina têm sido sugeridas, tais como: Saúde Cardiovascular, Regula a Glicose e melhora da função renal, atuando diretamente nos néfrons.

Cardiovascular
Agmatina produz reduções moderadas na frequência cardíaca e pressão arterial, aparentemente ativando ambos os sistemas de controle centrais e periféricos, através da modulação de vários de seus alvos moleculares, incluindo:. Receptores imidazolínicos subtipos, e a liberação de noradrenalina. Agmatina tem sido discutida como ativo neurotransmissor / neuromodulador. É sintetizada no cérebro, armazenado em vesículas sinápticas, acumulados por absorção posteriormente libertadas por despolarização da membrana, e inativado por sua enzima agmatinase. Agmatina se liga ao receptor α2-adrenérgica e receptor imidazolina locais de ligação, e bloqueia os receptores NMDA e outros canais fechado. Agmatine na verdade, cumpre os critérios de Henry Dale para um neurotransmissor e é, portanto, considerado um neuromodulador e co-transmissor.

Atuação opioide!
Agmatina sistêmica pode potenciar a analgesia opioide e prevenir a tolerância à morfina crônico em ratos de laboratório. Desde então, a evidência acumulada demonstra amplamente que agmatina inibe a dependência de opiáceos e recaída em várias espécies animais.

juliocaleiro@hotmail.com

Obs – Não tome nenhum suplemento sem orientação do nutricionista ou médico, para finalidade de efeitos frente as patologias descritas no texto as dosagens são bem diferenciadas, portanto caso necessite, entre em contato pelo email acima.

Referências:

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26141226

refer


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Contador

%d blogueiros gostam disto: