Início » EVIDÊNCIAS » Baixas doses de naltrexona e seus resultados surpreendentes no tratamento de câncer, HIV/AIDS e doenças autoimunes!

Baixas doses de naltrexona e seus resultados surpreendentes no tratamento de câncer, HIV/AIDS e doenças autoimunes!

Honest_Medicine-small2

Em 21 de março de 2014, por Dr. Júlio Caleiro, nutricionista. Fone do consultório (35) 3531-8423.

Câncer: A partir de meados de 2004, o médico Dr. Bernard Bihari relatou ter tratado mais de 300 pacientes que tiveram câncer, que não responderam ao tratamento padrão. Desse grupo, cerca de metade, após o tratamento de 4 a 6 meses com baixas doses de naltrexona, começaram a demonstrar uma parada no crescimento do câncer, e destes, mais de um terço tiveram sinais claros e objetivos de redução do tumor.

HIV/AIDS: Em setembro de 2003, o médico Dr. Bihari tratou 350 pacientes com AIDS usando baixas doses de naltrexona juntamente com terapias aceitas para AIDS. Ao longo dos 7 anos, 85% desses pacientes não apresentavam níveis detectáveis do vírus HIV – uma taxa de sucesso muito superior que a maioria dos tratamentos atuais da AIDS, e sem efeitos colaterais significativos. É interessante notar que muitos dos pacientes com HIV/AIDS tem vivido sem sintomas durante vários anos, tendo apenas utilizado baixas doses de naltrexona, sem outros medicamentos.

Doenças autoimunes: dentro do grupo de pacientes que apresentaram uma doença autoimune, TODOS experimentaram uma parada na progressão da doença. Em muitos pacientes, houve uma remissão dos sintomas da doença. O maior número de pacientes no grupo de doença autoimune eram pessoas com esclerose múltipla, dos quais havia cerca de 400 na prática do médico Dr. Bihari. Menos de 1% dos pacientes experimentaram um ataque em esclerose múltipla, enquanto mantiveram a terapia com baixas doses de naltrexona.

Considerando os resultados surpreendentes acima, por que um medicamento de tão baixo custo é completamente ignorado no tratamento de doenças graves pela medicina convencional? Muitas pessoas que estão acamadas poderiam ter sua vida e saúde completamente restauradas, conforme é a experiência do médico Dr. Bihari e tantos outros médicos pelo mundo (ex: Dr. Burt Berkson, Dra. Maira Gironi, Dra. Jacquelyn McCandless, e etc).

As dosagens do naltrexona, nesta terapia, variam de 1.5mg à 4.5mg, com necessidade de prescrição médica ou de dentista.

Consulte o médico de sua confiança para avaliar a possibilidade de se iniciar esta terapia.

Referências:
1. http://articles.mercola.com/sites/articles/archive/2009/05/26/powerful-breakthrough-beats-cancer-and-autoimmune-diseases.aspx

2. http://www.lowdosenaltrexone.org/index.htm#What_diseases_has_it_been_useful_for

3. http://articles.mercola.com/sites/articles/archive/2011/09/19/one-of-the-rare-drugs-that-actually-helps-your-body-to-heal-itself.aspx

4. http://www.lowdosenaltrexone.org/bbihari_cv.htm

5. http://www.youtube.com/watch?v=x54Jccr8GT8


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Contador

%d blogueiros gostam disto: