Início » EVIDÊNCIAS » É MELHOR REPOUSAR E DESCANSAR OU EXERCITAR-SE QUANDO ESTÁ DOENTE?

É MELHOR REPOUSAR E DESCANSAR OU EXERCITAR-SE QUANDO ESTÁ DOENTE?

 

Image

By Dr. Júlio Caleiro

    Quando você está se sentindo doente, é melhor para ir pra cama para descansar um pouco ou esforçar-se ir exercitar?

    Uma das vantagens de estar em forma é que você pode tirar uma folga e se recuperar e utilizar as reservas que você construiu, até se recuperar. É uma espécie de estoque de gordura armazenada durante tempos de fome.

  Os seus níveis de aptidão física irá fornecer-lhe com os subsídeos auto imune para permitir tratar eficazmente a doença. Se você não parar de exercitar, você pode facilmente exceder a capacidade do seu corpo de recuperação e realmente piorar.

    Uma simples orientação a seguir é que se o seu corpo está sob estresse, quando você está doente, buscar o descanso é método que seu corpo se mobiliza para combater a doença. Muito exercício, exercício especialmente intenso, deve ser evitado, uma vez que irá colocar uma carga adicional estressante em seu sistema já estressado.

    Dito isso, o exercício moderado, como caminhar, em geral é bom, desde que você tome cuidado “em ouvir” o seu corpo para se certificar de que você não esteja exagerando. Há certos momentos em que o exercício moderado é realmente preferível quando você está doente.

Quando é bom praticar atividade fisica enquanto está Doente?

    Se os sintomas forem acima do pescoço, geralmente é bom, ainda que em menor intensidade do que você está acostumado. Estou falando de sintomas tais como:

        Corrimento nasal
        Congestão nasal
        Espirros
        Garganta inflamada
        Dor de cabeça

    Se você tem energia suficiente para tolerar isso, aumentando a temperatura do corpo pela transpiração do exercício vai realmente ajudar a matar muitos vírus. Na verdade, de acordo com a pesquisa, o exercício com um resfriado pode ser bem aconselhado. No final de um ensaio de 10 dias, os que exerceram 40 minutos a cada dois dias, a 70% do seu ritmo cardíaco máximo, sentiu-se melhor do que aqueles que permaneceram sedentários, ainda que a gravidade clínica e duração dos seus sintomas eram virtualmente idênticos.

    A chave para o exercício quando você está doente é fazê-lo com cuidado. O excesso de exercício vai colocar mais estresse em seu corpo, que pode suprimir o sistema imunológico, por isso você deve manter a intensidade de seus treinos em um nível moderado, se você está doente. Então, você só pode ir para uma caminhada se você está sentindo apenas o efeito de resfriado com sintomas relacionado acima, ou simplesmente atenuar o seu treino regular. Como observado em “Exercício Ciências e Comentários”.

        “O exercício intenso causa imunossupressão prolongada, enquanto exercício de intensidade moderada melhora a função imune e potencialmente reduz risco e a gravidade das infecções respiratórias virais”.

Surpreendente quanto os exercícios podem fazer bem!

Abaixo algumas cituações cirurgicas, tratamento médico de várias doenças onde a atividade física deve existir para melhor recuperação, sempre com acompanhamento médico ESPECIALIZADO!

        Recuperando-se de cirurgia, com indicação médica de um Fisiatra à pratica específica de atividade Física.

        Fazer atividade física depois que você teve uma pequena cirurgia pode ser altamente benéfica, ajudando a diminuir os efeitos secundários a voltar as atividades diária da sua vida o mais rápido possível. Você vai naturalmente precisar está consciente do nível de intensidade e evitar exercícios que pode estressar uma incisão cirúrgica ou reparação, mas de um modo geral, quanto mais cedo você pode se mover após a cirurgia, melhor numa gestação por exemplo, com calma e sem esforços extremos, podendo em seguida ficar de repouso.
        
Pacientes com Câncer

        Exercício durante e após o tratamento do câncer pode ajudar a reduzir o seu risco de morrer de câncer, reduzir o risco de recorrência do câncer; aumentar a energia e minimizar os efeitos colaterais do tratamento convencional do câncer. Um relatório da “Macmillan Cancer Support” nota, que pacientes com câncer e sobreviventes do câncer devem se exercitar pelo menos 2,5 horas por semana,  e cita um trecho do “American College of Sports Medicine” a seguinte declaração de consenso sobre as orientações de exercícios para sobreviventes de câncer, que afirma:

            “Exercício é seguro durante e após a maioria dos tipos de tratamento de câncer … Os pacientes são aconselhados a evitar a inatividade e voltar às atividades diárias normais o mais rápido possível após a cirurgia e durante os tratamentos de câncer adjuvante.”

        Osteoartrite ou dor nas articulações

        Se você tem dor nas articulações, o exercício é uma obrigação, que ajuda a prevenir e aliviar dores nas articulações através de uma série de mecanismos, incluindo o reforço dos principais músculos de apoio, restaurando a flexibilidade, melhorar a densidade óssea e da função articular e facilitar a perda de peso.

        A noção de que o exercício é prejudicial para as articulações é um equívoco e MITO, já que não há provas para apoiar essa crença. Muito pelo contrário, na verdade, como a inatividade promove fraqueza muscular, contraturas articulares e perda de amplitude de movimento, o que pode levar a mais dor e perda de função e atividade diária prejudicada. Para quebrar este ciclo potencialmente devastador, o exercício regular é essencial.

        Se você tem osteoartrite ou dor nas articulações e estiver com dor por mais de uma hora após a sessão de exercícios, você deve desacelerar ou escolher outra forma de exercício. Os dispositivos auxiliares também são úteis para diminuir a pressão sobre as articulações afetadas durante o treino. Você também pode trabalhar com um fisioterapeuta ou personal trainer qualificado, que possa vir a desenvolver uma faixa de segurança de atividades para você. Se o exercício provoca dor que persiste por mais tempo do que algumas horas é mais provável que tenha ultrapassado o seu limite

        Dor Crônica

        Exercício pode ajudar a longo prazo o alívio da dor para uma variedade de condições, incluindo a osteoartrite e dor musculoesquelética tais como fibromialgia. Além disso,  o exercício muitas vezes leva a melhorar a postura, a amplitude de movimento e funcionalidade do seu corpo, ele pode ajudar a tratar a fonte básica de sua dor, bem como ajudar a prevenir a dor nas costas crônica. Exercícios que podem ser particularmente útil para a dor crônica incluem alongamento, treinamento de resistência e natação.
        
        Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC)

        Se você tiver a DPOC doença pulmonar, o exercício pode ajudar a melhorar a circulação, ajudando o corpo a usar o oxigênio de forma mais eficiente. Ele também pode ajudar a reforçar o seu coração, melhorar os seus sintomas, e aumentar seus níveis de energia para que você possa realizar atividades mais cotidianas, sem fadiga ou tornar-se fraco ou mesmo sair do sedentarismo.
        
        Síndrome do Intestino Irritável (SII)

        Estratégias alimentares são a chave para a cura síndrome do intestino irritável a nível fundamental, no entanto o exercício pode ajudar a melhorar os sintomas da SII, também. Em um estudo, o exercício levou a melhorias em problemas como cólicas, prisão de ventre, inchaço e diarréia, com 43%, de exercícios que mostram uma melhora significativa em seus sintomas.

Quando não deve exercício enquanto doente?

    É geralmente aconselhável que você evite o exercício se você tem sintomas que são “abaixo de seu pescoço”, tais como:

        Febre
        Tosse ou congestão no peito
        Fadiga
        Corpo generalizado e dores musculares
        Dores de estômago, náusea e vômitos.

    Mas não importa o que seus sintomas, você precisa ser muito cuidadoso e ouvir o seu corpo. Se você respeita seu limite e tudo que você quer fazer é descansar um pouco, então é o que seu corpo precisa, Descanse!

    Exercícios de alta intensidade como a aptidão de pico deve ser evitado quando você está doente, porque qualquer tipo de exercício intenso aumenta a produção de cortisol, um hormônio do estresse que inibe a atividade de células matadoras naturais, um tipo de glóbulo branco que ataca e livra seu corpo de agentes virais. É por isso que correr uma maratona pode realmente aumentar suas chances de ficar doente logo depois. Na verdade, a altetas de competição de resistência, pode sofrer de duas a seis vezes mais infecções respiratórias superiores durante um ano, em relação a média de indivíduos ativos

Se você está negociando o seu treino para um bom descanso, verifique se você está fazendo isso …

    Sentindo-se fatigado quando você está doente é a forma do seu corpo de lhe dizendo para abrandar de modo a obter algum descanso muito necessário, enquanto o seu corpo cura. Uma boa maneira de ajudar o processo de recuperação é a terra enquanto você está dormindo.

    Andar descalço na terra ou grama levemente molhados, ou deitar sem roupa no chão.

    A Terra é uma fonte natural de elétrons de sutis campos elétricos, que são essenciais para o bom funcionamento do sistema imunológico, a circulação, a sincronização dos biorritmos cardíacos e outros, e de processos fisiológicos podem realmente ser o antioxidante mais eficaz, essencial, menos dispendioso e mais fácil de atingir . Suas funções do sistema imunológico ficam otimizadas quando o corpo tem um suprimento adequado de elétrons, que são facilmente obtidos naturalmente pelo contato com os pés descalços com a terra ou deitar-se.

    Quando o aterramento fisiológico é restaurado, muitas pessoas relatam uma melhora significativa em uma ampla gama de doenças, incluindo fadiga crônica. Estas mudanças são rápidas e muitas vezes ocorrem dentro de 30 minutos.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Contador

%d blogueiros gostam disto: